VEREADOR DE CRISTINÁPOLIS, REGISTRA B.O POR SUPOSTA AMEAÇA DE MORTE

0
1178

O caso do incêndio ao prédio da câmara municipal de vereadores de Cristinápolis, município ao extremo sul de Sergipe parece ainda não ter terminado mesmo com a prisão de 3 acusado e o Prefeito e seu secretario de transporte estarem figurando como mandatários do crime. Agora estão surgindo ameaças de morte a um dos vereadores, as quais poderão se tornar realidade por mãos dos acusados segundo as informações.

Na noite desta segunda-feira (11), o Vereador José Menezes Lima (Zé de Alaíde – Solidariedade), da cidade de Cristinápolis, recebeu a visita de Francisco de Assis, um conhecido que lhe informou sobre a suspeita de estrem tramando contra a vida do parlamentar.

Segundo Francisco, a conversa saiu em uma roda de bate papo numa das praças da cidade levantadas pelo secretário de saúde conhecido por Elmo. Francisco informou em depoimento o delegado do município, Omar dos Santos Rocha Neto que, na conversa do dia 08, sexta-feira, Elmo de Rita disse que os vereadores estavam quietos e que somente Zé de Alaíde estava Mexendo que o tal crime, mas que ele tomasse cuidado pois, os presos acusado do incêndio tinha coragem de matar e que ele (Zé de Alaide) estaria em perigo assim que eles saíssem da cadeia.

Na noite dessa segunda-feira (11), sabendo de tudo isso, o Vereador Zé de Alaíde,  juntamente com o Francisco que lhe relatou o fato, procuraram a Delegacia de Polícia onde registraram um Boletim de Ocorrência.