A Polícia Civil de Sergipe deflagrou nas primeiras horas da manhã desta sexta-feira, 2, a Operação Venal. Estão sendo cumpridos mandados de prisão e busca e apreensão em Aracaju. A operação é resultado de uma investigação do Departamento de Crimes contra a Ordem Tributária e Administração Pública (Deotap) e apura fraudes no pagamento do IPTU.

Foram executados mandados de busca e apreensão na avenida Mario Jorge, no bairro Coroa do Meio, zona Sul de Aracaju, na sede da empresa União Segurança. a representante Sandra Cunha foi encaminhada para a sede da Deotap por volta das oito horas da manhã, acompanhada pelo delegado Osvaldo Resende. Também houve grande movimentação policial no bairro 13 de julho, no edifício onde mora o empresário Edson Santos.

Foi grande a movimentação também na nova sede do Departamento de Crimes contra a Ordem Tributária. A todo instante chegavam presos da operação para prestar esclarecimentos e houve grande movimentação também de policiais que traziam materiais apreendidos como computadores, HD’s e documentos.

Foram presos na manhã de hoje: Carlos Henrique, do hotel Aperipê; José Francisco Cunha; Edson Santos, da Projel; Sandra Cunha, da União Segurança; e os corretores de imóveis Leovaldo Santos Almeida, Luiz Humberto Machado e Vitor Alexandre da Barros Alves.

Na Operação Venal foram mobilizados cerca de 80 delegados, escrivães e agentes. Os delegados responsáveis pela operação estão em coletiva de imprensa na Secretaria de Segurança Pública.