Hoje assisti a um vídeo que o deputado Bolsonaro fez comentando sobre educação, mais especificamente sobre a cartilha de educação sexual e outros livros distribuídos em escolas publicas referentes ao mesmo tema. A revista Nova Escola fez também um vídeo apontando alguns equívocos.

Alguns amigos pediram para que eu comentasse sobre o que estava achando o tema, esse é um dos motivos pela qual estou escrevendo esse texto. Concordo com tudo o que a revista Nova Escola disse e aproveito para fazer alguns comentários segundo o meu ponto de vista.

Primeiramente achei um grande absurdo o Bolsonaro dizer que a educação atualmente deveria ser como nos anos 60 e 70 porque segundo ele nessa época tinha-se de fato educação de qualidade, que ele e outros políticos não colocam filhos em escola publica por causa do currículo escolar. Minha resposta é a seguinte: Muitas coisas na educação continuam  paradas no tempo, as escolas continuam com estruturas bem antes mais antigas que as dos anos 60. Muitas coisas estão mudando e crescendo, mas esse processo começou recentemente, afinal de contas já estava mais que na hora! Essas mudanças estão sendo algo muito mais que necessário, pois o mundo munda, a forma de pensar, agir e se vestir das pessoas também. A forma que as gerações de hoje aprendem logicamente também esta mudando, por isso acho um absurdo alguém querer que um jovem de hoje estude da mesma forma que meu avo estudava por exemplo. Naquela época ele e tantos outros estudavam com os recursos que tinham e hoje nos temos novos recursos que vem ajudando o ser humano e facilitando nossas vida, então pergunto: Por que não usar essas ferramentas para tornar a educação algo mais libertador? Querer que as escolas voltem para uma época em que a ditadura militar estava mais presente do que atualmente é algo totalmente fora do normal.

Sobre nossos políticos não colocarem seus filhos em escolas publicas o verdadeiro motivo todos nos sabemos. A educação faleceu, com esse método de ensino posso dizer que no Brasil ela morreu assim que nasceu. Falta tudo nas escolas, ate mesmo folhas para imprimir as provas. E fica claro que nossos políticos principalmente o Bolsonaro não vão querer que seus filhos estudem em um ambiente em que não terá  ao menos papel higiênico, ou professor substituto quando o atual precisar se ausentar entre tantos problemas. A cartilha foi apenas uma desculpa muito mal inventada.

E aqui vai para vocês os dois vídeos para mostrar os dois lados da moeda. Antes de finalizar quero que fique bem claro: Não estou impondo minhas ideias sobre ninguém, mas apenas opinando sobre determinado tema. Vocês tem total liberdade para discordar e ate mesmo comentar criticas relacionado ao texto e ao blog. Também quero dizer que não estou defendendo a nenhum partido politico nem tenho a intenção de manchar a imagem do deputado citado (acho que ele mesmo já o fez e ainda expôs a filha de apenas cinco anos) mas mostrar a importância de se informar antes de comentar algo na internet ou qualquer outro meio, algo que o Bolsonaro precisa aprender com emergência.

Fala do deputado Bolsonaro
Resposta da Revista Nova Escola ao deputado