A PRF em Sergipe apresentou nesta segunda-feira 03 de julho em Aracaju/SE o balanço de suas ações durante o mês dos festejos juninos de 2017. Nesse período, a fiscalização nas rodovias federais sergipanas foi intensificada para inibir a ação de motoristas infratores e coibir práticas criminosas.

Os números demonstram a atuação da PRF no patrulhamento e fiscalização das rodovias federais, com destaque ao combate à alcoolemia e ao excesso de velocidade, conscientização dos condutores nas ações de educação para o trânsito e a prevenção de acidentes, através do recolhimento de animais.

Acidentes

Entre os dias 01 de junho e 02 de julho, dos 89 acidentes registrados nas duas rodovias federais que cortam o estado, 40 deles deixaram um saldo de 04 mortes e 58 pessoas feridas.

Fiscalização

Durante os festejos juninos foram fiscalizadas mais de 8,5 mil pessoas e 7,1 mil veículos. A PRF autuou 2.281 motoristas infratores e as principais infrações registradas foram a ultrapassagem proibida (354), a não utilização do cinto de segurança (72) e a não utilização do capacete (63).

Alcoolemia

A embriaguez ao volante foi combatida através da realização de 3.165 testes de alcoolemia, com uma média de 98,9 testes realizados por dia. Desse total, 43 motoristas foram flagrados dirigindo embriagados e 10 foram detidos por possuir índice alcoólico acima de 0,33 mg/L (miligramas de álcool por litro de ar expelido pelos pulmões).

Excesso de velocidade

A PRF atua na fiscalização de condutores que trafegam acima do limite de velocidade estabelecido nas rodovias. Durante os festejos juninos, 545 condutores foram flagrados trafegando com excesso de velocidade.

Educação para o trânsito

As ações de educação para o trânsito continuam fazendo parte do planejamento operacional da PRF. De 01 de junho a 02 de julho foram realizadas ações de educação para o trânsito, onde quase mil pessoas foram sensibilizadas. Essas ações ocorreram em parceira com outras instituições de segurança no trânsito, como a SMTT, CPTran e BPRv.

Recolhimento de animais

O trabalho de recolhimento de animais é um dos mais importantes para a prevenção de acidentes nas rodovias. Somente no período dos festejos juninos foram recolhidos 297 animais perambulando pelas rodovias federais do estado, uma média de 9,2 animais recolhidos diariamente. Quando identificados, os proprietários responderão criminalmente pela prática, através da lavração de um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) do Ministério Público Estadual.