Um caso que pode ser considerado no mínimo estranho aconteceu nessa terça-feira, 03/05, no município sergipano de Tobias Barreto.

ssp
presídio Regional Juiz Manoel Barbosa de Souza, em Tobias Barreto

Um homem que se identificou como presidiário recolhido no presídio Regional Juiz Manoel Barbosa de Souza, em Tobias Barreto participou ao vivo de dois programas jornalísticos da emissora Luandê Fm 96,1.  O preso participou ao-vivo do Luandê  Notícias 1ª edição no início da manhã e do Luandê Notícias 2ª edição no início da tarde. Ambos apresentados pelo radialista Paulo do Valle, recém contrato da emissora de propriedade do ex-prefeito Diogenes.

O detento de prenome Richard, reclamou da falta de assistência médica, da comida que é servida aos detentos, da proibição das visitas devido à greve dos agentes e na oportunidade acusou o governador Jackson Barreto de desviar recurso federal destinado ao sistema prisional.

Quando interrogado pelo âncora do programa de quem seria o celular usado no contato, o presidiário respondeu de forma irônica: “É da sua mãe que trouxe pra mim aqui”. Assustado com resposta, o locutor mandou a produção tirar o detento do ar.

A entrevista ganhou repercussão na cidade, e a pergunta da população é: Como é que um detento liga para uma emissora de rádio duas vezes e consegue falar no ar?