Uma investigação da Policia Federal em Sergipe terminou com a prisão de carreteiro e a apreensão do que foi considerada pela PF como sendo a maior apreensão de drogas realizada este ano em Sergipe.

Segundo a Polícia Federal em Sergipe a investigação começou ainda no período dos festejos juninos, quando a denúncia de que uma carreta, com placa de São Paulo, transportando drogas iria entrar no Estado. De acordo com o agente da Polícia Federal, Márcio Lopes, com as informações a polícia começou a monitorar as vias de acesso ao Estado.

“Inicialmente o nosso setor de investigação tinha a informação de que essa droga entraria no Estado durante os festejos juninos, mas acho que eles desconfiaram de alguma coisa e preferiram entrar agora. Porém, nós já tínhamos as informações e realizamos barreiras nas principais vias de acesso”, detalha o agente da PF, que conta como foi à apreensão.

A carreta foi interceptada no município de Umbaúba, sul sergipano no dia de ontem, domingo (10). “Era uma carreta que transportava uma carga de milho e ao fazermos a abordagem encontramos a droga debaixo da carga. Essa foi a maior apreensão de drogas do ano”, enfatiza.

Na abordagem o condutor do veículo identificado como José Carlos Saraiva, de 44 anos, natural de Ribeirão Preto em São Paulo, foi preso, mas negou saber da existência da droga e que teria sido pago apenas para transportar o milho. “O condutor já cumpriu prisão por tráfico de drogas em 2013. Nós acreditamos que a carga partiu do Mato Grosso do Sul e tinha como destino abastecer o nordeste”, destaca Márcio Lopes.

“Nós trabalhamos com investigação e com o disque-denúncia onde qualquer pessoa pode ligar para o 0800 284 4565 e não é necessária a identificação”, finalizou.