A Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Recursos Hídricos de Umbaúba realizou na tarde da ultima sexta-feira (11) reunião com os proprietários dos lava-jatos de Umbaúba. A reunião foi preparatória para audiência pública marcada entre a ADEMA, Prefeitura Municipal, Proprietários de Lava-jatos, DNIT e IBAMA Sergipe.

KEKEU - AUDIÊNCIA ADEMA (4)Os proprietários dos Lava-Jatos (Diques) de Umbaúba vivem um dilema nestes últimos dias em que encontram-se com as portas fechadas, impedidos de trabalhar por medida judicial. O processo instaurado em 2010 tem como intuito exigir a adequação dos postos de lavagens às normas ambientais.

Devido ao fato, na semana passada os trabalhadores dos Dicks realizaram uma manifestação fechando por uma manhã a rodovia BR-101 na cidade.

Para buscar resolver este problema a Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Recursos Hídricos de Umbaúba, esteve na manhã da ultima quinta-feira (10) na Administração Estadual do Meio-Ambiente (ADEMA) em reunião com Jorge Assis, diretor técnico da autarquia. Na reunião ficou acertada que nesta terça-feira (15), às 09h será realizada uma audiência com os empresários para deliberar a resolução da problemática e um possível prazo para a adequação às normas.

Nesta audiência deverá estar presentes também os representantes do IBAMA e do DNIT, responsável pelos domínios da rodovia federal, onde muitos dos lava jatos funcionam.

Foram convidados durante a sessão de quinta-feira, os vereadores para participar, mas estiveram presentes à reunião preparatória da tarde da ultima sexta-feira (11), 15 dos 18 proprietários de lava-jatos, os vereadores Renato de Careca e Hebber Ricardo.