Durante toda esta semana os prefeitos de Sergipe estiveram em Brasília onde, na oportunidade e por intermédio do líder do governo Michel Temer na Câmara dos Deputados, André Moura (PSC-SE), foram apresentados a diversas autoridades incluindo o presidente da Fundação Nacional de Saúde (FUNASA), Henrique Pires. Desta feita, fora discutido com os prefeitos eleitos de Sergipe, os projetos de Melhorias Sanitárias Domiciliares (MSD) e de financiamento para implantação ampliação e/ou melhorias em sistemas de abastecimento de água nos municípios com população de até 50.000 habitantes.

O presidente Henrique Pires informou que os municípios interessados em pleitear recursos desses e de outros  programas da Funasa terão uma segunda chance, pois o prazo de inscrição da proposta foi ampliado para o dia 21 de outubro. “Prorrogamos o prazo para inscrição nos programas, pensando nos municípios que tiveram dificuldades em acessar o sistema, bem como para dar outra oportunidade aos que ainda não tinham informações dos editais por terem sido eleitos para o primeiro mandato”, esclareceu.

Recém-eleito prefeito por Umbaúba, Humberto Maravilha (PMDB) também participou das reuniões com o presidente da FUNASA e com os deputados federais sergipanos Laércio Oliveira (Solidariedade) e Fábio Mitidieri (PSD) a fim de buscar recursos por meio de emendas parlamentares que propiciem o desenvolvimento do município de Umbaúba.

O líder André ressaltou a importância dos prefeitos conhecerem o trabalho da Funasa, principalmente com relação ao saneamento das famílias. “Muitas comunidades carecem de água de qualidade, e saneamento básico, segundo dados do Ministério das Cidades, cerca de cinco milhões de brasileiros não possuem banheiro em suas casas e muitos deles estão no Nordeste. Precisamos fazer tudo o que estiver ao nosso alcance para reverter esse quadro e as ações da Funasa auxiliarão os prefeitos”, concluiu.