O instituto de pesquisas DATAVOX registrou na última quarta-feira, 27/08, no Tribunal Regional Eleitoral (TRE), uma pesquisa eleitoral com vista à sucessão ao Governo do Estado e Senado. O levantamento foi encomendado pelo Jornal da Cidade.

Aeroporto construído em área dentro da fazenda de parente de Aécio Neves

A pesquisa que foi preparada para ser divulgada na edição dessa segunda-feira, 1º/08, do Jornal da Cidade, foi realizada entre os dias 27 e 28 de agosto. A sondagem foi registrada sob o número SE-00016/2017 e custou R$ 10.000,00. Instituto DATAVOX ouviu 800 pessoas na capital e interior.

A surpresa dessa pesquisa ficou por conta de um nome que foi incluso dentre os possíveis candidatos ao cargo de governador do estado. O levantamento inclui o nome de Júlio Cezar, na lista de candidatos ao governo de Sergipe, porem, Júlio Cezar é candidato no vizinho estado de Alagoas,.

O nome dele é o que está no 10º e 11º questionamentos, de acordo com registro no TRE/SE:

10 – DENTRE ESTES CANDIDATOS A GOVERNADOR DE SERGIPE, EM QUAL O(A) SR(A) NÃO VOTARIA DE JEITO NENHUM? MAIS ALGUM?

ALGUM OUTRO?

1. ( ) AIRTON DA CGTB

2. ( ) BETINHO

3. ( ) EDUARDO AMORIM

4. ( ) JACKSON BARRETO

5. ( ) JULIO CEZAR

6. ( ) PROF. SÔNIA MEIRE

7. ( ) PODERIA VOTAR EM TODOS (ESP.)

8. ( ) NS/NR

11- INDEPENDENTE DA SUA INTENÇÃO DE VOTO, QUEM O(A) SR(A) ACHA QUE SERÁ O PRÓXIMO GOVERNADOR DE SERGIPE?

1. ( ) AIRTON DA CGTB

2. ( ) BETINHO

3. ( ) EDUARDO AMORIM

4. ( ) JACKSON BARRETO

5. ( ) JULIO CEZAR

6. ( ) PROF. SÔNIA MEIRE

7. ( ) PODERIA VOTAR EM TODOS (ESP.)

8. ( ) NS/NR

Não há registro do candidato JULIO CEZAR. Ele é candidato do PSDB por Alagoas

Na sexta-feira, 29/08, ao fazer o anuncio da data de divulgação da pesquisa em questão, a matéria do Portal Itnet questionou o por que de não terem sido incluídos municípios com grande quantidade de votantes como, Itabaiana, Lagarto e Estância. Segundo a matéria entre todos os municípios pesquisados a grande maioria estão estranhamente ao lado do candidato de situação. Veja na integra a matéria do Itnet.

Matéria do Itnet:

O instituto de pesquisas DATAVOX registrou na última quarta-feira (27), no Tribunal Regional Eleitoral (TRE), uma pesquisa eleitoral com vista à sucessão ao Governo do Estado e Senado. O levantamento foi encomendado pelo Jornal da Cidade.

A pesquisa foi realizada entre os dias 27 e 28 de agosto e esta prevista para ser divulgada para o dia 1º de setembro. A sondagem foi registrada sob o número SE-00016/2017 e custou R$ 10.000,00.

Foram entrevistadas 800 pessoas nas seguintes localidades: CAPITAL: Centro, Industrial, Jabotiana, Jardins, Lamarão, Luzia, Olaria, Porto Dantas, Santos Dumont, São Conrado, Siqueira Campos, Treze de Julho e INTERIOR: Aquidabã, Brejo Grande, Campo do Brito, Gracho Cardoso, Gararu, Indiaroba, Itabaianinha, Moita Bonita, Muribeca, Nossa Senhora Aparecida, Nossa Senhora do Socorro, Pirambu, Poço Redondo, Riachão do Dantas, Telha.

O intervalo de confiança é de 95% e a margem de erro máxima estimada é de 3,5% para mais ou para menos sobre os resultados encontrados no total da amostra. O Instituto DATAVOX – Pesquisas de Opinião Pública e Estatísticas, foi criado em Julho de 2009 com sede no município de Campina Grande (PB).

Coincidência ou não?

Entre as cidades pesquisadas, apenas quatro os prefeitos não apoiam a candidatura à reeleição de Jackson Barreto: Aracaju, Muribeca, Telha e Pirambu. Enquanto a maioria esmagadora dos prefeitos incluídos na pesquisa pertencem ao agrupamento do candidato Jackson Barreto: José Carlos dos Santos (Aquidabã), Anderson Ferreira (Brejo Grande), Léo (Campo do Brito), José Nicássio (Graccho Cardoso), Toinho de Rolemberg (Gararu), José Leal (Indiaroba), Itabaianinha (Robson da Laranja), Marcos Costa (Moita Bonita), Vera (Nossa Senhora Aparecida), Fábio Henrique (Nossa Senhora do Socorro), Roberto Araújo (Poço Redondo), Ivan Macedo (Riachão do Dantas).

Entre os municípios com maior número de eleitores apenas Aracaju e Socorro foram pesquisados. Ficaram de fora: Itabaiana, Lagarto, São Cristóvão e Estância, além de cidades de médio porte como Ribeirópolis, Canindé do São Francisco, Capela, Propriá, Nossa Senhora da Glória e Tobias Barreto, e incluiu pequenas cidades como Telha, Nossa Senhora Aparecida e Graccho Cardoso.

Da redação Itnet, Aparecido Santana.